Entre os dias 26 e 29 de agosto, foram realizadas as Formações Regionalizadas dos Conselhos Escolares do Município de São Leopoldo, promovidas pela Prefeitura Municipal de São Leopoldo e Secretaria Municipal de Educação (SMED). A ADPERGS e a Defensoria Pública do Estado do RS participaram da formação levando até as escolas o Projeto Social de Educação em Direitos Humanos: “Conversando sobre direitos, deveres, democracia e cidadania”.

A formação trouxe como tema central “Conselhos Escolares: Uma estratégia de Gestão Democrática da Escola Pública”, onde participaram todos os conselheiros, titulares e suplentes de todos os segmentos que compõem o Conselho Escolar do município. 

Na segunda-feira (26/08), foi visitada a EMEF Paulo Couto, com palestra da Defensora Pública Eleonora Mascarenhas. Já na terça-feira (27/08), a EMEF Gusmão Britto recebeu a formação ministrada pelo Defensor Público Rodrigo dos Santos Ribeiro. Na quarta-feira (28/08), a Defensora Pública Alessandra Quines realizou a palestra na EMEF Barão do Rio Branco. 

Na quinta-feira (29/08), a formação ocorreu na Escola Municipal de Ensino Fundamental Emílio Meyer, e ministraram o Defensor Público Andrey Regis de Melo, e o diretor da Escola Sagrado Coração de Jesus de São Leopoldo, Adriano Viaro. Esteve presente, representando a ADPERGS, a Defensora Pública e idealizadora do projeto, Cristiaine Johann. 

O Defensor Público Andrey Regis de Melo, trouxe para debate a compreensão do significado de direitos humanos e a importância da discussão no meio docente e estudantil. 

“É sempre uma oportunidade muito importante conversar sobre algo que está estigmatizado atualmente: o tema de direitos humanos. O senso comum etiquetou de forma equivocada que direitos humanos seria algo, tão somente a criminosos, quando não, o direitos humanos, na sua essência, busca uma vida digna para todos da comunidade, busca o respeito que o Estado deve ter em relação ao indivíduo, busca o respeito que nós cidadãos devemos ter em relação aos outros cidadãos. Foi uma oportunidade importante conversar com professores e alunos, especialmente professores, que são transmissores de conhecimento e vão preparam e formam alunos, para que logo mais possam reivindicar seu direito a cidadania”, afirma.

O projeto, que visa auxiliar na promoção de uma cultura de respeito aos direitos humanos, tem a ênfase na solução pacífica de conflito e na construção de uma cidadania efetiva, auxiliando para o desenvolvimento das competências previstas na Lei Nacional de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - que define e regulariza a organização da educação brasileira com base nos princípios constitucionais. 

O Projeto Social de Educação em Direitos Humanos: “Conversando sobre direitos, deveres, democracia e cidadania” é uma iniciativa da ADPERGS em parceria com a Defensoria Pública do Estado do RS.

WhatsApp Image 2019 08 28 at 18.50.13WhatsApp Image 2019 08 28 at 19.43.33

02 de Setembro de 2019

Logos Banrisul e Brasao Governo